domingo, 26 de julho de 2009

Meu Espelho!


E então, que sempre fui um avestruz. Magra e com cabelos desalinhados. Um horror.


Quando estava na adolescência, era um palito. Todas as amigas e as bam-bam do colégio tinham bunda, barriga seca e peito. Usavam calça jeans Levi's apertadinha pra aparecer mais bunda, baby-look do colégio e tênis da moda. E claro, o básico rímel, gloss da Avon e o perfume do momento que era Acqua Di Gio. Cabelos lisos e com vários tic-tacs.

Eu... então... eu era a avestruz... cabelos ondulados-caracolados-indefinido, calça de moletom, camiseta do colégio, bico de pato na cabeça, em vez de perfume... usava aquela colônia Pretty Blue da Avon (até hoje, quando sinto o cheiro, me dá um "troço", um misto de lembranças boas e ruins), um tênis qualquer e mochilão nas costas. A única coisa que eu usava, era o gloss da Avon. E simplesmente, não tava nem aí.

Hoje... claro que mudei, mas também não mudei muito não... continuo magra, a unica dierença é que alguns "pneus" vieram se instalar na região da minha cintura... assim, como quem não quer nada... acharam que seria propicio se instalar ali, como um step. Quando engordo... vai tudo pra cintura. Bunda que é bom... é a ultima ser beneficiada... então fico parecendo uma sapa. E o que é pior, daí tenho que aumentar o nª da minha calça pra entrar na cintura e a bunda simplesmente fica parecendo uma fralda! Isso mesmo! Muito ridiculo.

Os cabelos eu dei um trato, até então estão domáveis. O perfume... até hoje não achei um que fizesse substituir a minha coleção, eu enjoo muito fácil, mas meu desejo é usar apenas dois: um no verão e outro inverno.

O que quero dizer com isso, é que os anos passam e apesar de me olhar no espelho e ver muitas mudanças favoráveis, tem dias que eu me olho e me sinto o avestruz daquela época... com os cabelos desalinhados, os olhos imensos, com olheira, sinais de tempo, e corpo de Olivia Palito Sapa. E se eu continuar a me olhar... vejo então o simbolo do sapatão: pé 39!

Então não me venham com Fashion Week, Model Week, sapato do momento, produto do momento, roupa do momento, se nada, simplesmente nada, absolutamente nada vai fazer uma mulher se sentir "a poderosa", se olhando no espelho eu vejo um avestruz!!!!!!!!!!!

É só cmg que isso acontece? Vcs tb tem dias de avestruz??



30 comentários:

Carol Dornelles disse...

Oi Rê!
Vc recebeu o e-mail do corretivo?

Bjo!

Jé L. disse...

Hahahahaha... menina, acredita que hoje eu estava pensando nisso?! E a busca pelo "poderosa" é meio que incessante. Quando julgamos que uma tal parte está a nosso contento, sempre aparece uma outra coisinha que não está nos conformes... Isso cansa!
Às vezes ficamos meio CHUCHU mesmo... rs.

Beijos e ótima semana!
Jé.

Yo? disse...

Hahahaah... Muito massa seu texto... Vou te contar uma coisa: sou muito pior que vc, sou um avestruz todos os dias. Eu não calço 39, eu não tenho pneusinhos, eu até tenho uma bundinha, mas não tenho peito e sou um desastre ambulante. Ninguém me nota... E na época da escola, piorou... Eu era sempre a amiga de fulana, nunca A MARY. Ninguém me via, ninguém me notava e, apesar de não me importar, às vezes me sentia invisível. Frustrante, mas já superei. Sou um avestruz... E tem gente que gosta de avestruz... (Num é possível... Tem gente que gosta de cachorraaaa. Pq não de avestruz?)

Xeroo
=D

Dessa disse...

hahahhahahahahahahah
ahahahahahahhahahaha
Ótima.
Eu sou mais tartaruga, sabe?
Olho minhas fotos e vejo uma cara de tartaruga....com a cabecinha pra fora do casco.
Já abracei a tartaruga em mim

DESASSOSSEGADA disse...

Eu tenho bunda mais ou menos, pernas longas ja foram palito hj consigo gostar delas nao tenho pneus (graças a genetica pq nao me esforço nem um sentimetro pra ir na academia) calço 39 ou 40 conforme o sapato, nao tenho peito, tenho 1,75 e namoro um cidadao de 1,70 o que me faz comprar sapatos ridiculos porque nao posso usar salto quando estou com ele... ai vc usa uma calça legal uma blusinha legal eu um sapatao fdp.

Dificil é o dia que nao me sinto um avestruz

Fernanda disse...

Eu tb era um avestruz... mas engordei depois dos 18 anos... e agora meu sonho era voltar a ser aquele avestruz

La Sorcière disse...

Hahahaha!!!! Vc é hilária!!!
Eu tive longos anos de avestruz no ginásio (sou das "antigas"), meu apelido era pernalonga....tinha umas pernas gigantes e finas feito um varapau. Era magra demais...sem peito, nem bunda e com uma tremenda insegurança. Melhorei muito depois, não me troco pela garota que fui um dia...mesmo ela sendo muito mais magra e muuuuuito mais jovem do que sou agora. Hoje eu gosto de mim e isso faz toda a diferença do mundo!
Bj

Gisa Dias* disse...

Rê... nem me apresento, hehehehe, mas que coisa mais fofaa foto do post!
Adorei!

bjokona*

Dani disse...

Hahahahahah
hahahahahaha
Quem não é avestruz uma vez na vida???
Que atire a primeira pena..hahahahaha!
Nem quero tecer comentários à que tipo de bicho eu me vejo..aff..ia ser muito terrível!
hahahahahahaha
Beijo


Faxina

Encosto de Bette Davis: disse...

Amada aposto que as TOP tão casada com um bando de filho esquentando a EX barrguinha de tanquinho no fogão. hahauhauhuha Enquanto vc ta ai, estudou e tá linda e poderosa. Viva a diferença! AIN MENINA PARA DE COMPLEXO QUE VC É PHODEROSA SIM!


Beijoooooosssss aveztruzinha linda!

Carol Dornelles disse...

Uai...eu não achei na caixa de saída pq mandei do e-mail do meu namorado!
É duro!!!!!!
Tava logado o dele e eu não vi.

Desculpa a lerdeza...kkk

Carol Dornelles disse...

Há! O pé 39 tbm é um problema meu.
Aquelas sandálias que vc bate o olho e quer comprar...qdo pede ao vendedor, ele diz: "Ahh só tem até 37"

É duro!!!

☆ KHC - Káh.Kau ☆ disse...

Tb não tive a melhor fase na escola, sempre fui magrinha, mirradinha...mas, como andava com as poderosas tb tinha meus fãs..rsrs
Se naquela época tivesse a kbça de hj me arrumaria mais e seria beeem melhor...pq era mto largada da vida...kkkkk
amei o post, sempre são 100sacionais!!
bjoks

Tiago disse...

rsrs

Vamos lá, o que dizer nesta hora...rs...avestruz é um bichinho simpático!!

Curioso, bicudo e esfomeado...ops...melhor eu parar por aqui!!rsrs

Beijinhos!!

Desabafando disse...

ahahahaha...adorei...olha, não sei se avestruz seria o bicho certo pra mim....mas tem dias que tambem me sinto estranha assim! A diferença é que eu não trocaria a euzinha do passado pela atual...prefiro a atual mesmo com alguns cabelos brancos que teimam em aparecer.

Nicole Bernardes disse...

Magra? alta? cabelo fuá? pé 39? Acho que me identifiquei hahaha...mas nem por isso me sinto um avestruz! Não sou nenhuma terapeuta da beleza,mas posso te dizer que tudo depende de vc, da sua busca por se conhecer melhor e ver o que realmente pode destacar sua beleza! NUNCA fique ressaLtando seus pontos negativos para ninguém, isso vai chamar a atenção para eles! Bom, espero que essa vie avesttruz passe logo hehehe...vim retribuir a visitinha que fez no meu blog e adorei o seu tb!
bjos

Nicole Bernardes
http:ofantasticomundodenicole.blogspot.com

Dri Viaro disse...

Estou de volta, mas ainda correndo, vim dizer boa noite, e logo voltarei pra ler melhor

bjs


este é um recado fake por favor não me mate

Juliano disse...

Bom eu posso te dizer que o meu dia de avestruz é quase todos os dias. E quando me olho no espelho parece que vejo aquele garoto de tempos atrás também.E quanto ao resto não tive problema, por que sempre achei legal ser meio diferente dos outros. Acho que a minha cabeça é meio desmiolada, dizem que eu falo muito de sentimentos, e isso não é coisa de garoto... Deixo eles falarem, quem tem que se sentir bem é nós mesmos, não importa o que os outros pensem. Tem uma musica da Pitty que retrata muito bem isso:

" Ninguém merece ser só mais um bonitinho
Nem transparecer, consciente, inconsequente
Sem se preocupar em ser adulto ou criança
O importante é ser você.
Mesmo que seja estranho, seja você
Mesmo que seja bizarro, bizarro, bizarro "

Tipo isso pra mim é perfeito, por que muitas pessoas da sociedade de hoje pensam mais no que os outros vão achar de si própio, do que o seu própio bem estar, provando que a sociedade de hoje é totalmente influenciavel. bah me puxei. :D saokdosadkaosdas

Legal que você seja de Porto Alegre, por que no pessoal que acompanha o meu blog bem poucos são daqui. Desculpa pelo enorme comentário. É eu sei eu falo de mais ..!

Bjooooos Rê e ótima semana pra ti também.

Renata disse...

Olá!!!Vi seu comentario no blog da Ale e não resiti a passar por aqui...já li o silêncio dos amantes e fiquei decepcionada, esperava muito mais....espero que você goste...bj

TPM Aguda disse...

hahaha, vira e mexe eu tenho um dia de avestruz. Principalmente nos finais de semana, é incrível.

beijos, Síl. ;)

Renata disse...

Oi Rê!!!
Valeu pelo e-mail...acho que consegui arrumar o problema com os comentários, dá uma passadinha lá depois...
BJ

Leo Yk disse...

Hhahahahah!
Ri muito lendo esse post...caracas!
Mas eu acho que todo mundo tem um dia de avestruz e de cisne.Quando a gente aprender a valorizar o próprio corpo,muita coisa muda junto.Tipo, se vc esta se sentindo bonita, isso passa pras outras pessoas também. Repare que se vc sai na rua se sentindo uma avestruz, logo vai deduzir que todas as pessoas que olham pra você, lhe enxergam com os mesmos olhos. xDD

Valorize o que tem, empine o nariz e ganhe o mundo.

Adorei o blog.Estou seguindo...rs
bjs

A Menina Perdida disse...

kkkkkkkkkkkkkkkk
Bem isso mesmo dias de avestruz... Sabe eu sempre tentei ser as bam-bam da escola mas nunca foi muito minha cara, tanto que agora eu pareço um nerd na escola, aquele rapão de cabelo, blusa moleton e calça jenas velha...
Ou seja todo dia na escola eu vou me sentindo um avestruz.....
rsrsrsrsrs

Mariposo-L disse...

Olha não é por nada mas adorei essa foto de avestruz, acho que nessa epoca de colegio estamos em uma fase da vida em os outros é que saõ corretos agente é o erro. Mas isso passa . hoje me sinto bem comigo mesmo , me acho legal. claro que tem dias que me sinto um avestruz, mas para esses dias enterro minha cabeça no chão e espero passar ... ou seja nesses dias fico do lado das pessoas que eu acho que são avestruz atropelados e me sinto um 'simbalo" sexual do lado deles ...kkkk adorei seu post :)

Laritz disse...

Mas todo avestruz também tem seu dia de belo cisne! É só mandar a TPM embora! Beijos!

pequena disse...

Amiga acho que tudo é uma questão de estado de espírito rs tem dias que eu tbm me sinto assim rss


mas ainda bem que passa rss

bjocas flor e bom dia!

Loira e Morena disse...

To passando para agradecer a visitinha lá em casa e convidá-la a aparecer por lá mais vezes!

Beijaooo da Morena!

Luna Sanchez disse...

Rs

Rê,

Nunca fui magérrima, mas acho que também não era do time das gostosonas...se bem que, já nessa época, tinha os seios grandes, e sabe como é, né?

Meu cabelo sempre foi liso, liso, liso, daquele tipo que nenhuma fivela para. É assim até hoje. Não tenho muitas opções de cortes, parece que estou sempre com a mesma cara. =\

Acho que mesmo nos dias de avestruz, tu era uma avestruz cuti. =)

Beijos, dois.

ℓυηα

* Respondi lá no blog, mas respondo aqui, também, o que me perguntou : eu curso Publicidade, e faço estágio na área. ;)

claris. disse...

E como tenho! rs
Creio que todo mundo já se sentiu um avestruz, até mesmo as bonitonas da escola (eu nunca fui uma).

Tem um selinho pra você lá no meu blog, ok?
Beijão.

Rê :) disse...

Claris!

Não consigo postar lá no teu blog, acho que a configuração deve tá ruim!

Bjos ;)