sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

O céu é o limite!


Incrivel... entra ano e sai ano... eu faço a mesma coisa, começo a procurar nos sites o que devo estudar. Não que eu esteja me auto-elogiando, mas é um desabafo crítico mesmo.

Veja bem, temos a necessidade de estar sempre atualizados. Sobre tudo! Não basta ter se formado, tem que se especializar em alguma coisa, não basta ser especialista, tem procurar uma curso de extensão, não basta ter um curso de extensão, tem que procurar um MBA que é o bam-bam-bam do momento, não basta ter um MBA tem procurar fazer um mestrado e enfim... não basta o mestrado... tem o doutorado.

Esses dias estava arrumando o meu roupeiro e me dei conta que não uso mais da metade das minhas roupas por dois motivos: eu odeio passar roupa. Prefiro usar a roupa de ontem que já está com o formato do meu corpo do que ter que passar. E o segundo motivo é muito simples: É MUITA OPÇÃO pra uma pessoa que só tem UM corpo!

E então eu só tenho UM diploma, me diz pra que tantas variedades? Pra que tantas opçõesÉ muito angustiante, surge cursos a todo momento, toda hora um curso novo, uma especialização nova, um MBA novo, enfim!!! Vcs entendem a minha angustia? ansiosafeelings

Daí que néam... eu sou uma pessoa indecisa  e até concordo que tenho procurar o que fazer dentro da minha área que eu até simpatizo com direito de familia, mas e se eu quiser ir mais além? E se eu quiser fazer gestão de pessoas? E se eu quiser RH (sempre adorei RH)? E se eu quiser ser especialista em proteger coalas? E se eu quiser ser terapeuta de velhinhos que vivem em asilos? E se eu quiser ser guia turistica em um acampamento indigena? Porque afinal, eu posso tudo, pois o céu é o limite. E quem paga tudo isso? O limite do meu bolso tá sem fundos. Please, façam doações.

As pessoas seriam mais felizes se tivessem poucas e ótimas opções. Porque ter "leque de opções" é só pra iludir mesmoafinal só confunde a cabeça da pessoa.

33 comentários:

Ana disse...

Não poderia concordar mais!
Queria ter vivido o tempo onde os ofícios eram passados de pais para seus filhos aprendizes. Simples assim....quanto mais tradição, quanto mais tempo a família vinha fazendo o mesmo, melhor e mais reconhecido era! Ah que vontade de ter vivido o tempo no qual a experiência era o doutorado!
beijos

Desabafando disse...

Eu entendo totalmente porque tb me sinto assim várias vezes, no meu caso, eu vejo inúmeras opções interessantes fora da minha área, como cursar psicologia, fazer um curso de fotografia profissional, virar terapeuta holística, etc...rsrsrs...já pensei em cada hipótese maluca...mas parece que tudo que eu não posso fazer no momento (por falta de dinheiro) é o que acaba me atraindo.

Eu sinceramente não ando com muita vontade de estudar na minha área, tudo caro demais e o salário do mercado não oferece uma compensação melhor por isso....seria investir o valor de um carro pra fazer uma pós e depois ficar pobre e sem retorno financeiro disso. No meu caso, acaba não valendo a pena.

Eu gosto muito de estudar e não tenho problemas com isso, tanto que já encarei uma outra faculdade e tenho um segundo diploma na gaveta mas sabe quando vc está a fim de cursos mais interessantes e motivadores e não se interessa por nada muito tradicional? Acho que ainda não achei a coisa certa pra mim talvez!

Também queria que existissem menos opções, acho que a vida toda seria mais fácil assim. Quanto mais opção, mais difícil de decidir por algo.

E respondendo ao seu comentário: o que eu estou estudando agora não tem nada a ver com o lado profissional, mas que eu adoro...rsrsrs...é coisa como teorias existenciais espíritas...que me deixaram com muita vontade de fazer um curso livre de história do mundo...rsrsrs...será que existe isso?

naomemandeflores disse...

É verdade, pena que os cursos são tão caros! Senão a gente virava especialista em tudo que gostamos...

Paulo Palavra disse...

se eu fizesse todos os cursos que gostaria seria um chef de cozinha mágico que canta e toca violão.
mas sou apenas jornalista.

Fala garoto, fala garota. disse...

DOAÇÕES.... oiiiiiiiiii?????????????

hahahaha é bom se especializar... mas que palavra mais ampla essa.

ah, falando em indecisão, eu lembro da Scarlet Johannson (se escreve assim?!) no Vicy Cristina Barcelona: ao menos ela sabe o que ela NÃO quer!

é um começo!

bjuuuuuuuu

Blog da Fatima disse...

Cansei só de ler esse post!!
Confundiu tudo aqui...rsrsrsrs

Mas falando sério, acho bem legal quem gosta de estuda, ir atras sim daquilo que quer. Eu qdo entra o ano eu vou logo indo ver o que saiu de novo na área "livristica" rsrsrsrsrsr
Adoro livro, adoro ler, então cada um no seu quadrado. Vai mesmo e busca novas informações!!

Bjos no ♥

Ju disse...

Nem fale!!!
O que acho interessante é que estão, cada vez mais, exigindo de nós acúmulo de conhecimento (muitas vezes de forma sobre-humana) quando os próprios que exigem não sabem.

Na faculdade, por exemplo, os professores sempre querem impor aos alunos que eles saibam todo o conteúdo já dado no curso. Tipo... como você vai saber de cabeça o conteúdo de 4 ou 5 anos?

Agora se for perguntar ao professor algo sobre algum assunto que não seja da matéria dele... não sabe responder.

Além do mais... se o fundamento da especialização é a ideia de que não se pode saber sobre tudo e que, para ser competente, é preciso se aprofundar em algo... como é que se pode pretender fazer especializações em todas as (ou várias) áreas?! Parece meio contraditório pra mim!

Nisso a gente sofre pra escolher... Fazer pós/mestrado/doutorado em que? ou outro curso? ou outra área?... e acabamos sem saber de nada direito. rsrs

E ainda tem o pós-doutorado, né?! Hoje é um "plus". Daqui a pouco vai ser necessário também.

Cadinho RoCo disse...

Você tem a liberdade de aceitar as opçõs ou de simplesmente ignora-las. Não é porque elas existem por aí que deverão existir aí em você.
Cadinho RoCo

Haphisa disse...

AUAHUAHAUU
pensando bem, pela tua perspecitiva, o banco é o limite, ou será o limite do banco??
precisamos jogar na megasena amiga, aí que se danem as especializações, mestrados e livros, vamos aprender a passear no mundo

Eu sou o GOOGLE disse...

Ai , to confusa , e tem um gato pegando um sapo, coisa nojenta, brigando. Qui enojo, este gato tem muitas opções!!
bjs

Glayce Santos disse...

Olá!

Isso mesmo, é fundamental querer se atualizar sempre... Independente se dentro da area ou fora.

Mas não concordo com o final...rs É muito importante ter muuuitas opção. Assim não limita, saca? O importante é saber do que mais gosta e ter flexibilidade para tentar algo diferente! ;)

beijos

Luciana Klopper disse...

Adorei essa idéia de poucas e boas opções

Luna Sanchez disse...

Mas e não é?!

Ainda mais para nós, mulheres...ter opções é o caos!

Beijos, Rê! Bom fds! ^^

ℓυηα

Taiany disse...

Po valeu pelo coment...
E cara teu blog é demais!
Super concordo com estar atualizado com tudo,mas como é dificil!
rsrsrsrs

*Maluh Mah* Marinha Luiza disse...

UAHushauhsas

Adorei!
Realmente leque de opções só serve pra iludir!

cronicasurbanas disse...

Ah, Rê, como eu te compreendo! Você é como eu, sofre de TUDISMO!!! Uma coisa só não é suficiente, a gente quer tudo... :-)
bjk
Mônica

mary g. disse...

Apoiado companheira!
É um saco mesmo ter que escolher uma, entre um arco-íris de cores.
Cada já deveria ter nascido com o seu propósito. Pronto acabou. ^^

Beijo.

Arthur Golgo Lucas disse...

Rê, não foste tu quem comentou uma vez que o Pensar Não Dói precisava ser melhor organizado? (Ou foi a Valéria? Sei lá, ando de cabeça oca...)

Bem, eu dei uma despoluída no visual, removi uns plugins em que ninguém clicava, tornei alguns títulos mais leves e eliminei algumas informações redundantes. Dá uma olhadinha lá e diz se percebes alguma diferença significativa.

Ah, será que deixo só as categorias e removo as "tags" da coluna da direita? O que achas? As tags continuariam a aparecer ao pé de cada artigo, mas ficaria um pouco mais difícil encontrar assuntos relacionados.

Ó dúvida, ó vida, ó dor... :-P

Dani disse...

hahaha
vou confessar que qdo tenho mta opção fico confusa, mas é bom não reclamar de barriga cheia no meu caso, né...
pior qm NÃO tem nada pra escolher rsrs

enfim, a vida é assim... feita de escolhas.
nem dá pra fazer tudo, só se a vida fosse mais longa... talvez nem assim

beijos

Lorena Portela disse...

rê querida, o que eu acho um barato é que tu fala o que a maioria pensa, mas não tem coragem de dizer... hehehhe

adoro.

to melhor sim, postei e agradeci os carinhos.

beijos flor.

Leo Yk disse...

Rê....
Feliz ano novo supre atrasado!
Eu apareço de século em século né....mas continuo aqui. Desejo-te guria, tdo de bom que essa Terra tem pra oferecer nesse ano de 2010.

Vc sabe né, tem que fazer um Upgrade de tudo hj em dia.Seria tão simples e fácil, se a gente tivesse uma memória de computador e pra fazer um UP, fosse só inserir o disco e fazer a instalação.Pronto! Em 5 minutinhos, um doutorado em Direito....mas 5 minutinhos e PAM! um doutorado em fisíca quantica...xDD

Mas não é neam...hahahaha
Saudades.....bjss

Gabriela Castro disse...

Eu super concordo!! hehe
beijos

pequena disse...

Concordo com vc completamente amiga rsss

Para as pessoas indecisas e confusas como nós além de ansiosas ia quase esquecendo, mas pois é, para pessoas assim como nós ter leques de opções são mesmo só pra confundir mais rsss

Adorei o post amiga e to passando pra deixar um beijo e desejar uma boa semana tá?

xerim

Milena' disse...

Do alto da minha experiência de recém-terceiranista digo que você faça aquilo que realmente te atrai. Mesmo que seja numa área completamente diferente da sua, mudar não é errado. Vai que existe algo muito melhor te esperando por aí?
:*

Les Curieux disse...

Tem uma historia aqui na minha cidade de um cara que quebrou pq no carrinho de cachorro quente dele o cardapio era muito grande, perdeu grana no estoque é claro!
Entao ele retomou os negocios com dois tipos, simples ou completo. HJ ele é milionario.
Beijos

Duanny!. disse...

Nem me fala!
eu vou fazer um curso técnino, na área de comunicação, porque eu quero fazer Publicidade.
Seria tudo lindo e Maravilhoso, se não tivesse tantos técnicos nessa área. Uhh acaba com a minha beleza!
HSUAHAUAHAUAHAUAHSU


adorei o post.

beijoka ;D

CooKie disse...

é minha mãe me d8iz que somos mais felizes quando somos pobres porque aproveitamos de tudo tudo!

muitas opções são realmente complicadas, porque você tem tanto que nem sabe o que quer

Marie disse...

Sem bem como é essa vida corrida, mas ainda bem que o cérebro femino foi programado para fazer mil coisas ao mesmo tempo.
Feliz 2010

Felicia disse...

Querida, tem selinho pra ti lá no meu blog !!

Kisses !

Lúcia disse...

É bem isso mesmo, o 'bom é inimigo do ótimo'. Bjins

Diego Marques disse...

Concordo com vc... O Céu é o limite, e o dinheiro é o obstáculo!!! kkkk

Faço Faculdade e depois que comecei já me desanimaram e disseram que o que vale mesmo é uma pós... e assim vai... é um caminho sem fim este caminho do saber...

Post maneiro um gde abço

Renata disse...

oi Rê!!!

Concordo plenamente com você. Na verdade as vezes eu fico com a impressão que tudo isso não passa de "balela", que esse monte de cursos e opções é só mais uma forma de arrancar o dinheiro do pobres mortais. Pois você pode ser a melhor profissional da sua área, mais se fulana tiver MBA, com quase toda certeza a melhor vaga acaba indo parar nas mãos dela.
torço para que você realmnete escolha a opção que for lhe fazer mais feliz e que também lhe traga um bom rendimento, afinal ninguém é 100% feliz tendo que a todo momento contar moedinhas.

Deixei um convite para uma promoção lá no blog, participe, quem sabe começamos o ano ganhando presentes.

beijos

Fictícia disse...

Re, fiz um blog novo www.tempobomfeliz.blogspot.com
te espero la
bjosss