terça-feira, 29 de junho de 2010

Fascinio Latino

Eu nunca entendi a minha tara por Pedro Almodovar.

"Mulheres a beira de um ataque de nervos", "Abraços partidos", "Ata-me", "Carne Trêmula", "Tudo sobre minha mãe".... enfim... é uma fascinação que vem de não sei onde.

Não sei se é porque ele dirigiu filmes pornôs, tá bom, eu não tenho taras por filmes pornôs, mas adoro filmes que tenham uma conotação sexual fortissima, uma traição gravíssimaum casal hot, cenas de sexo somente imagináveis, acrobacias, sexo na escadaaquelas brigas horrorosas seladas por uma cena digna de um sexo animal... enfim... prazer, essa sou eu. Adoro filmes que lá pelas tantas da historia apareça alguma cena desse estilo que dá uma chacoalhada na pessoa, que tu sinta os hormônios fluindo por todo o corpo, aquela sensação adolescente de "eu também posso", "eu também quero", "é isso mesmo o que faltava", porém, nem todos os filmes de Almodóvar contém cenas como essas, então não deve ser esse o motivo de meu fascinio.

Cheguei a conclusão que curto os filmes porque ele é totalmente nonsense. Vivemos uma vidinha que tudo tem que ser explicado, ordenado, estar fora do padrão é ser alvo de críticas, tudo o que se faz está no script e se não está, haja mão a palmatória pra sofrer as críticas e consequencias de tal ato, de tal estilo de vida, de tal atitude.

Almodovar não precisa de rótulos porque ele está muito além disso, procurar uma definição pra entender o porque de meu fascinio é desperdicio de tempo e de atividade cerebral, porque nunca vou achar. 

Porque não dizer eu te amo pra alguém que conheci há uma semana? Porq isso não é a ordem natural das coisas.
Porque não ficar melhor amiga de uma estranha bêbada que conheci no banheiro da balada? Porq isso tá fora do script.
Porque não posso transar com alguém que conheci há 5 minutos? Porq isso é um padrão comportamental que nem Freud explica. 

Tudo precisamos de um motivo, de um catalogo de bom senso, caso contrario, é ser nonsense. É viver um filme de Almodovar. E ele chega pra explicar justamente isso, nem tudo na vida tem porq e quando tem é mais de um que por óbvio não iremos nos contentar.

A vida é uma roleta russa de emoções, a gente não escolhe. Os sentimentos simplesmente chegam e te invadem. A vida é feita de coisas nonsense.

O próximo filme, por favor. 



30 comentários:

Eve disse...

Oi Rê, respondendo sua pergunta:
sim, tenho o direito ao visto, mas preciso apresentar os documentos para provar o casamento. nao é automático, infelizmente.
bjs

Eve disse...

Na verdade, Almodovar fala a verdade. Quem já nao transou com uma pessoa que conheceu há 5 miutos atrás? As excessões são as que não fizeram. rs

A gente é que se esconde atrás de padrões. E ele os quebra.

Assim é a vida. rs
bjs

Cinderela disse...

hauahauahau adorei o post e so tomei nota desse "homem" agora kkk...muito bom
beijokas e boa semana flor

Luciana Klopper disse...

Concordo com vc, fora a esses padrões bestas, impostas por quem?
"Vamos viver tudo que há pra viver, vamos nos permitir!"

Lydia Llewelyn disse...

Essa parte dos comentarios (o link) é tão pequeninia que a tempos pensei que nao podia comentar no teu blog rrsrs

Bom penso assim como vc.


MEnina nao assisti nenhum filme dele ainda acredita, mais sou louca pra assistir, vou assistir todos e sei que vou gostar...

Eu nao sabia que ele era diretor de filme porno!

Desabafando disse...

Ah, eu tb adoro os filmes dele mas ainda não assisti todos, só a metade..rsrs...o mundo está sempre querendo que nos enquadremos em certos padrões ou comportamentos que nos bloqueiam e travam nossa essência e personalidade quando o legal é ser quem vc é, fazer aquilo que vc sente melhor, seguir seu caminho e fazer suas escolhas sem se deixar levar pelo que vão pensar. O que importa é ser feliz e fazer aquilo que te faça feliz.

Mariana Rosa disse...

Olá, Rê!
Estou te convidando para conhecer meu blog cheio de novidades e um pouco do meu trabalho também!
Beijos!

Mariana Rosa

Liana disse...

nossa, eu simplesmente AMO Almodovar... já vi todos os filmes, vários mais de uma vez, revejo sempre que posso e não me canso.

E... a vida levada com algumas cores de Almodovar fica tão mais interessante...

cronicasurbanas disse...

Também sou fãzona do Almodóvar. Sobretudo porque suas mulheres são fortes, interessantes e resolvidas (e histéricas também, mas isso faz parte, né, kkk...), coisa rara no cinema. Adoro seu nonesense e seus personagens absurdos, mas ao mesmo tempo tão normais. O Pedro é mesmo genial.
bjk
Mônica

Ju disse...

Hum... queria ser mais assim "nonsense"... acho que se vive mais. Só não sei se melhor, mas... ;)
bjoss

Eraldo Paulino disse...

Taí... Temos um gosto muito parecido para filmes. Antigamente, quando ia alugar um filme (naquela época em que alugávamos), eu sempre olhava na sinopse e na imagem da capa algo que induzisse a sexo ou a emoções fortes e primitivas...


Adoro quando fala sobre filmes.

Bjs!

Blog da Fatima disse...

Eitchaaa... que essa guria demora pra postar mas quando posta quebra tudo!!

Tbem adoro Almodovar...curto bsatante os filmes dele...acho ele meio fora da casinha, mas é isso que dá aquele Q nos filmes dele.

Bjos no ♥

Déia disse...

Eu o acho o máximo!!!

bj

Luna Sanchez disse...

Eu também gosto muito, muito das doideiras dele, Rê!

A contagem regressiva, lá no blog, é para um evento romântico, digamos assim...ui! Rs

Ah, e o nosso boliche pode ser antes disso, viu?

Beijo, beijo.

ℓυηα

La Sorcière disse...

Oi Rê!! Saudade da vitalidade dos seus posts!!!
vc tá muito sumida e eu adoro o que vc escreve!
Vc é minha nonsense preferida no MUNDO!
Bjks
Alê

Eu sou o GOOGLE disse...

Ai, amo o Almodovar também. As histórias são irregulares. Além de seu talento para descobrir talentos. Ele escreve e dirige com a alma...segue uma coisa forte, instinto. E nao teme faze-lo. Por isso seu sucesso sempre, quem ama Almodovar, assisti todos filmes livre de preconceitos, se diverte com as deconexa relaidade que ele cria e se delicia com sua percersão e talento para destruir padrões..


como diz seu Ney - la: adooooooooorrroooo.

Gerundino disse...

Viver fora do script parece perfeito, mas nem sempre da certo... que pena.

*Maluh Mah* Marinha Luiza disse...

"Porque não dizer eu te amo pra alguém que conheci há uma semana? Porq isso não é a ordem natural das coisas.
Porque não ficar melhor amiga de uma estranha bêbada que conheci no banheiro da balada? Porq isso tá fora do script.
Porque não posso transar com alguém que conheci há 5 minutos? Porq isso é um padrão comportamental que nem Freud explica. "

Adorei de verdade!

Alice Brasil disse...

Olá, guria!

Tô roubando seu sotaque te chamando de guria... hehehe...
Bem, eu sou fã de Almodóvar desde quando me apaxonei por cinema e pensei em ser cineasta, é uma longa história de amor e fascínio. Mas, a senhorita me deu uma informação nova, disse em seu texto que já dirigiu filmes pornôs, isso é verdade?
Outra coisita, Pedro Almodóvar simplesmente leva para as telas de cinema quem é verdadeiramente o homem e a mulher, somos na verdade, guiados pelos nossos instintos mas negamos essa verdade o tempo todo e quem a reconhece é considerado nonsense, louco, fora do padrão.

Adorei o post!!!

Beijinhosssssssssssssss
Meg Macedo

Alice Brasil disse...

Sim, antes que cause ambiguidade ao texto eu perguntei se Almodóvar dirigiu filmes pornõs, é que engoli o pronome e ficou esquisita a construção da frase.
Mas, que babado forte eu não sabia disso, vc tem o nome dos filmes??

Beijos!!!
Meg Macedo

Dea アンドレア disse...

Re, eu acho vc muito parecida com a minha irmã
ela é engraçada como vc
Q bom que vc gostou do layout, bjs

Fala garoto, fala garota. disse...

oi... amooo nonsense...
afinal, se alguém tentasse ver algo de "sense" na minha própria pessoinha...
afff boa sorte. hehehehe
beijo, gataaa

Déia disse...

Amanhã tem mais!! hehe

bj

Miss Pauleth disse...

Para falar a verdade Rê, eu não conhecia o Almodova, :X. Mas adoro filmes do jeitinho que você falou... um casal, hot, uma traição pra lá de inesperada, um filme que não nos faça dormir!
Beijos, gatona, :***

pequena disse...

Miga linda que saudade de vc, andei sumida e sem tempo mas to voltando rss

Eu tbm sou apaixonada pelos filmes dele rss

bjoquinhas e boa sexta feira flor!

IsaBella disse...

Ahhhh...
eu adoro filmes... sejam de onde for e sobre o que for... quero dizer... nem todos os estilos me atraem...
hauahauaahauahuaahuaa

Mas, é bom ver um filme... ainda mais no frio...
heheheheeheeeehhehhehe

beijos

Sà-lamandra disse...

Nossa, tive minha fase de Almodóvar, pré-estreias e depois longos papos na mesa do bar,e dá-le reflexões sobre essas insanas mulheres densa, fortes, umas bem histéricas. Quase um rebentar o cordão umbilical daquelas mulheres espanholas bem "severas"controladoras, umas matriarcas detentoras de poder e controle. Creio que ele foi lá no fundo do útero arrancar essa histeria, ousadia , libertar essas feminilidade contida.
Eu sou mais de comédia romântica tipo água com muito açúcar (risos), mas muitas vezes sou dessas mulheres almodovianas, chego junto, até hoje intacta. :)
Beijo

Zingara disse...

É isso mesmo que você definiu, Almodovar é nonsense.

Almodovar talvez seja o melhor sinônimo para sintetizar uma atitude passional.

Ótimo texto!

Paula disse...

heheheheh, meu Deus!! que engraçado rs.... sabe que eu igualmente o acho nonsense...as vezes sair um pouco dos padrões é delicioso!!
Então, sou concurseira sim....meu Deus, não vejo a hora disso acabar rs...
Vc está advogando?
Beijão!

Dri Andrade disse...

oi Linda, so agora pude vir agradecer seu comentario na minha postagem no blog do Olavo. .(TRAÇOS DE UM HOMEM) não vim antes por que estava mudando de blog, e vc sabe que é igual a uma mudança de casa!
Que delicia de blog vc tem hem, adorei tudo aqui e já estou te seguindo, como mudei de blog agora estou no blogger tbm, no outro não dava pra seguir ou ser seguido por que era outra plataforma. te convido a me seguir tbm, vamos manter contato...
Uma beijoca e fique com Deus
Dri