segunda-feira, 30 de novembro de 2015

14 semanas: ela chupa o dedo e eu divago

Fechei 14 semanas e isso significa, segundo o Baby Center, que o bebê já franze a testa e chupa o dedo. No título está ela, porque na primeira eco significativa quando fechamos as 12 semanas, a probabilidade foi de menina. 

Desde que eu soube que estava grávida eu senti que seria uma menina, ainda mais que no meu caso eu tive a tal de ovulação tardia, então minhas semanas não são contadas pela famosa "DUM" que quase bati a cabeça pra entender que sigla era essa. Aliás, acho tão engraçado as mães nos blogs e fóruns falando de "DUM", e de tantas outras siglas existentes e sequer mencionarem que "DUM" se trata de "data da última menstruação". Eu já tava achando que DUM era algo anormal, que era um enigma ou talvez até uma seita, mas enfim... se trata apenas disso. 

Mas voltando ao assunto, a contagem da minha gravidez se dá pela data do sexo, do ato sexual, do vuco vuco, lepo lepo que houve entre eu e meu marido, ou seja, a probabilidade de ser menino cai drasticamente porque eles são mais fracos para ficar esperando pelo meio do caminho até conseguir achar-fecundar o óvulo. 

Mas também há um receio de eu ficar falando isso aos quatro ventos, porque vá que daqui a pouco não seja menina? Mas no fundo, no fundo, eu sinto que é. E as pessoas ficam te dizendo que "mãe sente". Na primeira vez que ouvi essa frase, eu fiquei pensando "mas como é que minha mãe vai saber"... mas claro, não era minha mãe, sou eu mesma. 

Isso porque ainda não caiu a ficha que vou ser mãe, então qualquer palavra "mãe" eu já relaciono diretamente com a minha. Outras pessoas me dizem que só cai a ficha quando a barriga realmente aparece. E, realmente, minha barriga não existe. Até emagreci 3,500 kgs. De noite que as vezes eu consigo perceber uma pochete abaixo do umbigo, porque já percebi que dependendo do que eu como, minha digestão ocorre em passos de tartaruga e eu me sinto estufada, logo, a barriga cresce. 

A única coisa que percebo em mim, são os peitos de quem colocou o silicone ontem. Inchados, pesados, e seriam sexy se não fosse as veias expostas. Mas né, nem tudo é flor. Estou dormindo com top de academia, porque as vezes eu me virava de noite, e sentia aqueles peitos chacoalhando pra lá e pra cá de uma forma totalmente desconfortável. Até ia comprar um "sutiã com uma excelente sustentação" como mandam as grávidas comprar, mas pelamor, tudo é caro. Além de grávida já ter que se preocupar com 500 mil coisas, qualquer coisa relacionada à gestante é um horror de caro: roupas, calças, produtos pra estrias. Assim a pessoa vai a falência. 

Só fui comprar creme específico pra estrias nesse mês, enquanto isso estava entrando dentro do pote de Nivea Q10 todos os dias pela manhã, e de noite tava usando um creme de manteiga da Victoria Secrets só pra marido não achar que estava dormindo com a vó. 

E pra fechar com chave de ouro, atualmente tem a tal da zica. Não bastasse a zica toda que uma gravidez possui, há a zica do mosquito. Sempre fui muito sortuda com mosquitos, como meu sangue é O negativo, eles voam em direção ao meu marido que é positivo e eu fico bem tranquila sem picada alguma. Claro que ando receosa, mas não vou sair correndo comprando repelentes, spray pra roupas, e toda a parafernália pra combater mosquitos. Por enquanto, sigo na minha rotina normal de fechar janelas, marido despejar um tubo de SBP pela casa enquanto estou nadando, e rir da cara dele enquanto ele é picado.

Como diz uma das minhas cantoras preferidas: "eu quero amor, alegria e bom humor"!











Um comentário:

Márcia Cobar disse...

Olá,
Em primeiro lugar, parabéns pela gravidez!!!
Gosto do jeito descomplicado que você escreve, faz tudo parecer tão normal, embora sua vida agora esteja se reconfigurando por completo...
Não sabia que O+ atai mais mosquitos, estou lascada. Sorte sua, Diário!
Meu esposo é médico, ele está alarmado com a proliferação do Zica vírus. Disse que nós não sabemos da missa um terço, ele acredita até numa "implantação" do virus no Brasil para sacudir a venda de medicamentos (americanos). E ele não é de esquerda, nem de direita. É somente um cientista desconfiado...
Muita saúde pra você e para a bebezinha!!!
Mãe sente... Estou desconfiada dessa sentença.
Abraço
Márcia